Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \23\UTC 2009

Avaliação do 3º bimestre

Tema: Água.

Caso precise, faça o download da avaliação em formato doc clicando aqui.

Anúncios

Read Full Post »

Gaiolas e asas

Caro aluno! Este texto é apenas para os amantes da boa leitura. Mas como se sabe se somos ou não amantes de uma boa leitura? Muitos se enganam, acham que são amantes da leitura, mas não o são. São leitores apenas, mas não são amantes dela. Só é amante da leitura aqueles que ainda conseguem se arrepiar de emoção diante de um texto, aqueles que sentem os olhos umedecer diante  de uma expressão, aqueles que conseguem reler o texto várias vezes redescobrindo um sentido despercebido, descobrindo uma nova construção gramatical ou uma nova metáfora. Ser amante da leitura é descobrir a escrita com arte,  emoção e elegância. Se você se identificou com alguma coisa dita aqui, provavelmente você já está se apaixonando, mas se você se identificou com praticamente tudo que foi dito aqui, não há mais remédio: você está condenado a viver se deleciando da arte literária. Você já é um escravo dos textos. É capaz de implorar para se conseguir a cópia do almejado texto e quando a consegue… AH!!!!… Que emoção…

Esse texto é para você que assim como eu,  é amante da leitura…

Procure desvendar  os segredos de sua construção, de sua estrutura e descubra o que há nele que o faz ser caracterizado como artigo e não como dissertação. Compartilhe comigo as suas conclusões. Beijos! Marijane.

Siga o link abaixo para ler o texto “Gaiolas e asas”, de Rubem Alves.

(mais…)

Read Full Post »

1. Conceituando ou definindo uma idéia.

O mito, entre os povos primitivos, é uma forma de se situar no mundo, isto é, de encontrar o seu lugar entre os demais seres da natureza. É um modo ingênuo, fantasioso, anterior a toda reflexão e um modo não crítico de estabelecer algumas verdades que não só se explicam parte dos fenômenos naturais ou mesmo a construção cultural, mas que dão também as formas da ação humana.

(ARANHA, Maria Lúcia de Arruda & MARTINS, Maria Helena Pires. Temas de Filosofia. São Paulo Moderna, 1992. p.62.)

Discutir o trabalho é aprofundar questões sociais.  Aos nossos questionamentos não falta a preocupação com a escolha profissional, a remuneração, a satisfação pessoal e o status, fatores que distinguem o trabalho em todas as suas variantes.

2.Apresentando dados estatísticos.

“Nos três primeiros meses após a implantação do Plano Collor, na cidade de São Paulo, 984 mil trabalhadores ficaram desempregados. Concorreram para esse quadro a perspectiva de uma recessão econômica, as greves e a livre negociação de salários entre patrões e empregados”.

3.Fazendo uso da linguagem metafórica ou figurativa.

Esta introdução deve ser usada exclusivamente em dissertação subjetiva.

“Os pensamentos me chegam de forma inesperada, sob a forma de aforismos. Fico feliz porque sei que Lichtenberg, William Blake e Nietzsche frequentemente eram também atacados por eles. Digo “atacados” porque eles surgem repentinamente, sem preparo, com a força de um raio. Aforismos são visões: fazem ver, sem explicar. Pois ontem, de repente, esse aforismo me atacou: “Há escolas que são gaiolas. Há escolas que são asas”. Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte do vôo. Pássaros engaiolados são pássaros sob controle. Engaiolados, o seu dono pode levá-los para onde quiser. Pássaros engaiolados sempre têm um dono. Deixaram de ser pássaros. Porque a essência dos pássaros é o vôo”.

(mais…)

Read Full Post »

Segue o arquivo em pdf da proposta de redação da semana de 1º de agosto com o novo tema a ser trabalhado nesta primeira quinzena, tabagismo.

Download: Proposta (tabagismo)

Read Full Post »